As dificuldades de integrar o Fluig com RM em três camadas.

As dificuldades de integrar o Fluig com RM em três camadas.

O RM é um ERP robusto que permite que seja configurado em diversas camadas. Seja ela cliente, aplicação e banco de dados.

Links para consulta:
Como funciona as camadas do RM?
https://tdn.totvs.com/pages/releaseview.action?pageId=236432384
Como configurar o RM em 3 camadas: https://tdn.totvs.com/pages/releaseview.action?pageId=273982231

O problema de se utilizar 3 camadas no RM com propósito das integrações do FLUIG está justamente nas falhas do próprio RM em finalizar os processos do COCKPIT.

A execução, quando em 3 camadas, exige que pelo menos um servidor de aplicação (Tela de Ambiente > Cockpit) esteja configurado e rodando corretamente, desta forma os processos do Fluig irá executar as rotinas de Integração e o RM irá recebê-las, entretanto ficará em fila de execução e finalizará por TIMEOUT pelo RM. Ainda se a codificação da integração não for corretamente tratada o processo poderá ter falhas, já que será continuado dentro do Fluig porém sem as devidas informações.

Além do problema do COCKPIT parar sem aparentemente motivo é necessário realizar duas configurações: Uma é configurar pastas temporárias compartilhadas com permissão administrativa e a outra é configurar impressora padrão. Estas configurações deixam a solução mais complexa e pode deixar de funcionar caso haja algum problema de infra, como por exemplo se a senha que inicia os serviços expiraram.

Concluo que não vejo outra alternativa – até a data de hoje se não a de utilizar uma instalação em duas camadas exclusiva para esta integração devido a maior confiabilidade de funcionamento, já que exige apenas a execução do serviço RM.HOST.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *